segunda-feira, 5 de maio de 2014

Rumo pra vida

Oi,
Bom resolvi voltar a postar porque muita coisa mudou desde que cheguei aqui.
Quando a gente tem um sonho, trabalha exustivamente nele, coloca energia, suor, preocupações e tem muita ansiedade envolvida, mas quando você realiza... ai que delícia que é!!! É simplismente indescritível a sensação de estar com as passagens na mão carregando a mala pra fazer o checkin no aeroporto, e depois vem o treinamento, e depois a chegada na família e pra tudo isso, ai Pai do Ceu... Haja Coração!!!! Mas sério, é uma ansiedade tão deliciosa que agora olhando pra trás tenho a sensação de que valeu a pena.
Em alguns dias completo 9 meses aqui. Gente, muita coisa aconteceu, muitos dos meus objetivos mudaram e agora, me sinto como me sinto em busca de um novo sonho, de um novo desafio e de algo que faça meu coração palpitar e minha mente ficar pilhada com qualquer sinal de realizão.
É muuuito bom realizar um desejo, principalmente quando você trabalhou duro pra fazer isso acontecer, mas sabe o que tô descobrindo, que a parte mais excitante de tudo isso, é se sentir mais preparada e cada vez mais capaz de alcançar objetivos maiores.
Quando eu cheguei aqui meu inglês era muito básico, no treinamento pastei horrores, mas hoje me sinto confortavel o suficiente pra falar com quem quer que seja sobre vários assuntos. Ainda cometo muitos erros gramaticais, ler pra mim ainda é um pouco difícil, ainda erro bastante na escrita, mas meu listening melhorou absurdamente. O que eu fiz pra sentir que meu inglês melhorou muito? Bom, eu tive a sorte de me apaixonar aqui, estou namorando há quase 7 meses, ele é Americado e por causa desse relacionamento pratico muito o inglês, mas acredito que seja possivel melhorar sem precisar namorar, tudo depende do seu foco e força de vontade.
Mas enfim, quando vim pra cá, estava muito numa fase da vida em que precisava de uma pausa. Minha vida no Brasil estava se encaminhando muito bem obrigada (faculdade e especialização concluidas e uma ótima proposta de emprego), mas sentia que ainda não estava preparada pra assumir um trabalho e começar uma vida de "adulta", é isso mesmo. Eu sempre trabalhei, meus pais nunca me deram um real pra pagar a faculdade nem a especialização, e sempre enchi o peito pra dizer que faço questão de ser independente. Mas a verdade é que ao mesmo tempo, sempre morei com os meus pais e nunca tive o combo de resposabilidades que uma vida adulta requer.
Pois bem, decidindo buscar mais um desafio, buscando me conhecer melhor e me dar um break, decidi ser au pair. E olha gente.... ôh vidinha fácil... ok, ok, cuidar de criança as vezes é dificil, tem host family que não ajuda e tudo mais. Mas beja bem, estamos em um pais diferente, morando numa casa e com pessoas que nos dão todo o suporte básico pra viver num outro pais, recebemos pouco é verdade, mas também não pagamos água, luz, telefone, internet, alimentação, aluguel, seguro de carro, parcela de carro... enfim.... imagina se tivessemos que fazer isso, talvez sobrasse menos do que os nossos humildes 195,75 por semana.... Mas, falei tudo isso, só pra dizer que aqui, mesmo longe da familia e tudo mais, ainda não considero que tenho uma vida adulta.
Decidi extender mais um ano como au pair, mas usarei esse ano diferente deste que foquei pra aprender inglês e aproveitar a vida, pra me desafiar de novo, e ir em busca de outro sonho.
Me formei em psicologia, mas joguei vôlei durante toda a minha adolescência e sempre tive o sonho de me envolver profissionalmente com o esporte. Psicologia do Esporte foi uma coisa que sempre me encantou, e já inclusive dei alguns passos no Brasil em direção a isso. Mas agora estou aqui.... e durante um ano, não fiz nada muito além de ir pra academia e pensar em escrever um artigo sobre a minha dissertação da especialização, mas até ai, isso ainda tá só no pensamento.
Decidi que no proximo ano, vou cursar pelo menos uma classe de college que essa vai ser relacionada com psicologia do esporte, ou algo relacinado a fisiologia, nutrição esportiva.... Estou agendando pra janeiro um advising no college que tem perto de onde moro pra entender quais são as minhas possibilidades em relação a isso.
Eu também descobri aqui a Yoga e o Crossfit, duas coisas que me apaixonei. Yoga costumo fazer na academia, e o Crossfit (http://www.youtube.com/watch?v=tzD9BkXGJ1M) esse sim está se transformando num sonho. Assim com ser au pair foi pra mim durante três anos da minha vida, em que idas e vindas, devagarzinho dei um jeito de estar aqui.
E me dei conta disso, quando estava gastando horas do meu dia vendo videos de exercicios, e tentando repetir alguns sozinha na academia e olhando schedule e preços de academias pela região e tentando saber quais são os nomes das pessoas importantes na modalidade e tudo mais. Assim como eu fazia, com os vídeos e blogs de au pair antes de chegar aqui.
Começar a treinar em Crossfit não vai ser tão fácil assim, é um esporte caro pra o salário de uma au pair. Eu vou viajar em Fevereiro com o meu namorado pra Cancun e estou guardando todos os centavinhos pra isso, além do mais tem que pagar as taxas da CC de seguro e extensão... =(
O meu plano é começar assim que trocar de família, pq saberei onde vou morar e fica mais fácil achar o lugar mais próximo e tudo mais.
Bom, por enquanto é isso.

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Driver's License !!!



Ola pessoal.

 Bom meu tema de hoje assim como tinha prometido vai ser Driver's License.
Vou contar como doi a minha experiencia aqui no Estado de Washington, mas acho que nao deve ser muito diferente nos outros Estados dos EUA.
Bom, sou CC entao eh obrigatorio vir pra ca com PID, mas a minha expira dia 5 desse mes porque tinha a carteira provisoria ainda, ou seja ia ter que tirar a daqui de qualquer jeito.
O seguro do carro dos meus hosts cobrem acidentes e tal de pessoas habilitadas no Estado, ou seja, pra dirigir sozinha aqui precisaria de DL (Driver's License).
Eu tenho dirigido com os meus hosts no carro, enquanto nao tinha DL. Isso pra mim foi bom, pois agora me sinto mais confortavel pra andar por aqui sozinha pois eles me ensinaram os principais caminhos, e como minha host ainda estava de licenca maternidade quando cheguei tive um mes de adaptacao e "treinamento" de tudo, inclusive dirigir os babies.
A minha host me ajudou muito no processo da DL e pagou pra mim, falo isso pq tenho uma amiga aqui que eh APC e a host dela nao pagou sua prova... enfim, nao eh nada super expensive... mas ...
Bom, algumas leis de transito sao bem diferentes das do Brasil, mas acho aqui bem melhor pra dirigir. Por causa dessas diferencas minha host achou melhor pagar aulas numa auto escola pra um teacher me ensinar as leis de transito e como dirigir e fazer as manouvers por aqui (nos carros gigantes daqui rs), entao fiz 3 aulas (duas aulas de 2 horas e uma aula de uma hora em q o meu teacher super gente boa, que simulou o teste pratico e foi super tranquilo), na simulacao tirei 82, pra passar precisa de 80 pontos.

1 Passo:

O primeiro passo eh comecar a estudar pra prova de multipla escolha. Aqui em Seattle o site de transito eh http://www.dol.wa.gov/driverslicense/practicetest.html.
Nesse site vc pode achar todas as informacoes e telefones que precisa pra tirar suas duvidas.
Tem uma apostila gigante pra estudar, mas serio nao leiam aquele negocio inteiro... eh bom pra uma ou outra duvida. Facam o teste online, pq as questoes sao exatamente as do teste. Algumas questoes mudam, entao se vc ficar fazendo o teste zilhoes de vezes vai saber todas as questoes certas de cor como eu, eh rs eu fiz tanto que decorei tudo hahaha e adivinha o que aconteceu mo teste de verdade??? Acertei 100% das questoes. Sao 25 e vc precisa acertar 20 pra passar.

2 passo:

O segundo passo eh fazer a prova pratica. Que fiz hj de manha e acertei tudoooo!!! Meu maior problema aqui eh estacionar os carros gigantes e fazer baliza com eles. Entao fiquei treinando um tempao no domingo e meu querido host me ajudou dando varias dicas e rindo das minhas barberagens pra estacionar hahahah
Bom, fiz o meu paraleloparking certinho na prova e fiquei super feliz pq depois daquilo o resto foi facinho :).

3 passo:

Bom, agora preciso ir la mais uma vez pra tirar uma foto e pegar minha DL que sai na hora!!!!

Muuuuuito mais facil do que no Brasil que tem aquela burocracia toda, em um mes ja estou de DL. Entao se vc passou no Brasil, relaxa que aqui eh mamao com a acucar :)

Estou muito feliz hoje, e o dia tambem esta contribuindo pq ta um sol delicia la fora, estou off agora a tarde entao fui andar de bike e ver as montanhas pq tenho uma bela vista delas nos arredores de onde moro e agora vou fazer um lanchinho pq daqui a pouco comeco a trabalhar!

Espero ter ajudado =)

Beijos a todas vcs

domingo, 28 de abril de 2013

Atualizacoes - Pulando de I`m online para 1 mes e meio de USA =)

Pois eh gente, voltei. Depois do ultimo post muita coisa aconteceu.
Nao vou contar tudo nesse post, mas atualizarei minha pagina daqui pra frente #prometo.
Conversando com uma amiga que fiz aqui a CAROL (eh ja estou aqui nos EUA!) me lembrei do blog e de como ver blogs no comeco, enquanto ainda estava me organizando pra encarar o programa foi importante pra mim... e nossa vcs nao tem ideia do quanto foi importante pra minha decisao e pra eu saber mais do programa, entao nada mais justo de que eu ajude as pessoas que estao por vir, pra q vcs  tenham um pouco de nocao de como as coisas funcionam por aqui e quais sao as minhas impressoes de tudo isso.
Eu e Carol! dia da conversa sobre blogs em Seattle =)

Bom, eu tive o MATCH em janeiro e embarquei dia 11 de marco.
Falei com 3 familias e fiquei cerca de dois meses online. Nesse meio tempo tive que recusar uma otima oportunidade de trabalho no Brasil antes de vir e isso mexeu muito comigo e tranformou a escolha de vir pra ca num processo muito mais dificil do que eu pensava.
Cheguei em NY dia 11/03. Sou CC entao nosso treinamento foi em Long Island. Tem muitos posts sobre treinamento e o meu nao teve nada de especial. Gostei muito de ter feito o tour e fiz algumas boas amigas la... mas acabei nao tendo muito contato ate agora.

                                                   Chegada no aeroporto de NY

Moro atualmente em Kirkland, suburbio de Seattle no Estado de Washington.
Cheguei na FAMILIA no dia 15/03. Cuido de twins que tem agora 5 meses, os nomes deles sao Jenson e Wyatt. Minha host e` Canadense e o meu host Britanico. As vezes e` dificil entender ele por causa do sotaque, mas a gente esta se dando bem.
                                                     Esses sao os meus babies Janson e Wyatt.

Ja comecei as minhas aulas, estou fazendo o curso TOEFL Preparation no Bellevue College e estou gostando bastante. Sinto que depois de um mes ja aprendi bastante, tanto nas aulas quanto na vida aqui. Vim com o ingles bem no limite pra participar do programa entao aprendo novas palavras 24 horas por dia. Ainda to muuuuito longe de converser super bem e entender tudo, mas ja nao fico mais nervosa pra falar (mesmo que errado) e ja consigo me virar sozinha por aqui.

Bom, hoje completo 1 mes e 17 dias aqui nos EUA!
Hoje fico por aqui, essas sao as atualizacoes mais basicas pra que vcs consigam se situar.
Meus proximos posts serao sobre coisas que eu estou vivendo aqui e que acho que podem ajudar vcs no futuro.
Os temas serao!

1)Drivers License

2)Carencia

3)Planejamento.

Estou muito feliz de estar escrevendo aqui novamente.

Se gostou, tem alguma duvida ou sugestao deixa um comentario!

Beijos e ate o proximo post.

Obs.. desculpe os erros e  falta de acentuacao, estou num tablet com keyboard Americano =).

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

I'm ONLINE!!!!

Oi gente,

Demoreeeeeei pra postar de novo, mas acho que este era o próximo passo então para isso um post!!!

Bom, depois de responder, revisar e revisar o application enviei para a agência que fez as correções (que achei simples demais... pediram só pra eu arrumar uma coisa do sobrenome, responder corretamente a questão sobre se eu iria viajar antes de ser au pair, eu tinha entendido errado por isso respondi que sim, então era só clicar em no, i'm not e só.... pensei que ela iria corrigir vaarias outras coisas... mas enfim seja o que Deus quiser).
As referências foram confirmadas com sucesso ufff! e recebi o querido email dizendo que eu estava online!!!!
Fiz o video http://www.youtube.com/watch?v=ITFba2ErqmU
e estou aguardando a Denise que é a pessoa que cuida do meu processo na CC corrigir!

Bom, estas são as news!!!
Eu estou muuuito feliz e ansiosa! não vejo a hora de postar esse video logo no meu profile para ver se aparecem famílias.

Ah, eu vou também refazer o meu teste de inglês para ver se melhoro do nível 4 para o 5....

Aguardem novidades.... Elas virão!!!!

Beijos,

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Tudo novo de novo!!!!

Nossa gente... lendo meu último post "abalando as estruturas", percebi o quanto minha vida mudou nesses dois meses.
Aquele post foi pra mim exatamente uma previsão de tudo o que estava pra acontecer na minha vida. Eu terminei o meu namoro no dia 18 de junho, foi difícil conseguir dizer tudo o que precisava para terminar, mas ... foi! Sofri um pouco no começo mas já suuuuper superei... to até encanada com um outro rolinho e em busca de novas experiencias amorosas hihihi. Ainda encontro o meu ex na academia, e isso não é tão bom, pq ele ainda me procura, mas estou firme e de lá pra cá não ficamos nenhuma vez.
Outra coisa importante é que conheci o meu pai biológico. Depois de criar muita coragem, pedi para minha tia me ajudar, e sem a minha mãe saber fizemos um contato com a família dele, chegamos até ele, marcamos um encontro e tcharam!!! Nos conhecemos.... noooooosssssssa foi muito estranho.... uma sensação indescritível, mas to me sentindo muito aliviada agora e ao mesmo tempo feliz e angustiada com tudo que essa descoberta pode acarretar para a minha vida. Descobri que tenho 2 irmãos, um de 22 anos (Raoni) e uma picorrucha de 3 anos chamada Jenifer. Percebi que deinitivamente uma relação seja lá qual for, precisa ser construída, pq por mais que tenha uma história suuuper forte que nos una, não senti por ele metade do amor que tenho pelo meu pai/padrasto. Mas vê-lo, conhecer a versão dele da história e poder conhecer a familia da parte 'de lá', é uma coisa q to achando muuuito bom pra mim. Marcamos de semana que vem eu ir conhecer uma tia e a minha avó. Ahhh, preciso criar coragem agora, pra sentar com a minha mãe e contar pra ela que conheci meu pai e como foi, e pedir desculpas por não avisá-la, mas deixar bem claro que foi uma escolha minha e que não queria que ela entrasse em contato com um assunto que era doloroso pra ela sem ela querer... pq conhecer meu pai era uma coisa importante para MIM.
Bom e óbvio que depois de concluir essas pendengas da vida, também consegui terminar o application!!!! Ainda falta corrigir antes de submeter pra agencia, e fazer o vídeo também... mas vamos por partes né!?
Nossa, foi muito bom acessar o blog de novo, poder ver o que todas vcs escreveram sobre meu ultimo post e perceber que aos trancos e barrancos, evolui, consegui superar minhas próprias barreiras e alcancei algumas submetas para o programa.

Grande beijo e obrigada por darem um pouco da atenção de vcs pra minha história!!!

Application 100% done!

video
Oi Galera,
To tentando voltar a atualizar o blog. E dai, resolvi fazer um vídeo pq acho que é uma forma mais prática de comunicação.
Consegui terminar de preencher o application !!!!! Espero submeter pra agência ainda esse mês!!!
Desejem-me sorte!

Beijos,

domingo, 10 de junho de 2012

Abalando as estruturas!!!!

Hoje decidi escrever sobre uma coisa que está mexendo com as estruturas da minha vida.... O PROGRAMA DE AU PAIR ! RS
Gente, eu não sei se isso acontece com todo mundo, mas comigo o inicio da concretização dessa viagem está mexendo muito com a vida. Isso porque pra mim bancar emocionalmente essa viagem está me obrigando a olhar pra uma série de questões na minha vida que antes estava empurrando com a barriga....
A FAMÍLIA e o NAMORO, estão muito afetados pela possibilidade dessa viagem.
Vou começar pelo namoro..... bom, namoro a quase 4 anos, um cara gentil, super gente boa, que gosta de mim pra caramba, mas que não tá muito afim de continuar os estudos, não tem muitos planos de futuro e percebo que pouco se responsabiliza pelas coisas boas e ruins que acontece na própria vida.
Eu gosto muito dele, mas a algum tempo venho percebendo que não é mais amor.... mas mesmo assim estamos juntos, e vivendo numa rotina a gente acaba não olhando muito pras coisas que incomodam a gente.... e vamos empurrando com a barriga.
O problema é que ele não reclama da viagem, mas também não mostra nenhuma empolgação em relação a isso, muito pelo contrario... e a algum tempo atras me disse que tudo bem se eu fosse desde que ficassemos noivos, fugi do assunto, e ultimamente evitamos falar sobre isso...
Mas a questão é como agora estou não só pensando na viagem, mas fazendo coisas para concretizar a viagem (passaporte, CNH, ingles, application... enfim), e não sai da minha cabeça que tenho que resolver a questão do meu namoro também, eu sinto vontade de terminar... mas estou sem coragem!!! Gente porque é taão dificil?!!! olhar para aquilo que a gente já sabe a um tempão mas finge não ver?!
Enfim, minha mãe me disse uma coisa e acho que é verdade, que eu estava esperando marcar a data da viagem pra terminar com ele e sair correndo pro avião para não ter que encarar e bancar o termino com ele me procurando... e eu sei que no fundo isso é verdade, por isso acho que preciso ter coragem para fazer isso antes para dar a verdadeira justificativa pra o termino e não simplesmente falar que é "porque vou viajar!". Já pensou eu respondo no application "Why do you want to be an au pair?" "-Pra fugir do meu namorado!!! kkk".
FAMILIA - essa é uma história beeem mais complicada.... eu não conheço meu pai biologico, mas tenho um padrasto que me criou desde pequena e que sempre me deu todo o apoio e carinho que pode-se esperar de um pai.... a questão é que agora sinto uma necessidade muito grande de conhecer meu pai biológico e toda essa história sempre tão obscura na minha vida... sei que isso vai ser muito dificil e sofrido para todo mundo, mas a verdade nunca é facil.... Gostaria também se fazer isso antes de viajar, acho que iria com a consciencia mais limpa sabe?!....

Algumas amigas minhas que me conhecem bem, disseram pra mim algumas vezes que viam essa viagem como uma fuga de alguns problemas que eu não queria encarar... e por alguns momentos achei que ué "qual é o problema?!", mas meu psicólogo me disse uma coisa que fiquei pensando.... vc vai, mas quando voltar todos os problemas vaão continuar aqui... e vc vai voltar !
Achei que a viagem então ao inves de ser uma fuga, poderia se tornar o motivo pelo qual resolver as coisas, é como se eu colocasse uma data para resolve-las ou ao menos tentar fazer isso....
Por isso gente, acho que esse programa tá mudando as estruturas da minha vida, e tá me fazendo olhar para minha sombra, pra as coisas que a gente coloca de baixo do tapete e vai levando!
Decidi fazer uma faxina de verdade, para ir com a casa limpa sabe, porque encarar um lugar frio, uma lingua diferente, pessoas com as quais vc não tem intimidade e um país com o qual vc se sente diferente em relação a cultura já não é fácil... e ainda ir com questões a serem resolvidas só potencializam isso.....
Bom gente por hoje é só!!!!

Por isso fica a dica !!!!
A pergunta -  Why do you want to be an au pair? é muito mais complexa do que eu pude imaginar... e acho que para a maioria de nós, é muito mais do que conhecer outro país, melhorar a lingua, por ser um intercambio barato e por gostar de crianças..... PENSEM NISSO!!!

beijos!!!